fechar menu 

Noivos pelo Mundo: sessão fotográfica em São Miguel

São Miguel - Açores, Portugal 2/11/2018

Os Açores são uma pérola no Oceano Atlântico! Porquê começar este post assim? Porque pensar nesta viagem é pensar em paisagens de cortar a respiração, é pensar numa gastronomia deliciosa, em pessoas maravilhosas. É lembrar uma natureza em harmonia e uma vontade enorme de regressar.

Nós, nunca tínhamos ido aos Açores e fomos a São Miguel pela primeira vez já depois de termos ido a inúmeros locais em todo o mundo. Mal nos conseguimos perdoar por ter deixado para “tão tarde” a nossa ida a este fantástico destino.

Chegámos já longa ia a noite e connosco se deitou a ansiedade de ver a ilha pela primeira vez. Mal o dia nasceu corremos para a janela do quarto para ter noção do que nos rodeava. Alojados no centro de São Miguel, no Hotel do Colégio logo tivemos uma perspetiva do centro histórico da Ilha que nos deliciou. Foi daqui que saímos vestidos de noivos para o primeiro contacto com a ilha e ainda por cima no registo que mais adoramos ver-nos.

Fomos diretos à Lagoa do Fogo, (“começámos em grande”, pensámos nós), mal nós sabíamos que nos Açores cada lugar tem uma paisagem mais encantadora que a outra e há sempre mais um tesouro por descobrir.

Daqui fomos a uma cascata, a do Salto do Cabrito.

Em pouco tempo chegámos ao Miradouro das Pedras Negras. Que eu nunca mais consegui apelidar assim! Para falar neste lugar falo sempre do Miradouro do "Elefante de Circo". Olhando atentamente, consegue ver-se a tromba, o olho e no topo da cabeça o chapéu. Reparem bem. Conseguiram? E foi sobre o "olhar do elefante" que o André me agarrou bem lá em cima. Quase como se estivesse a voar!

Mas ainda com os "elefantes de olho em nós" chegámos ao Miradouro do Navio. Lugar recomendado por muitos dos que nos acompanham, aqui vivemos o nosso "momento Titanic". Encontramos nas alturas um barco em que a proa está suspensa, que nos permite ter uma vista plena do oceano e nos faz sentir que estamos literalmente no meio deste. Foi um momento bem engraçado e romântico. Até porque o André não perdeu a oportunidade para reproduzir a icónica música "My Heart Will Go On" para as histórias do nosso instagram.

Passeámos pelas encostas, caminhámos pelos trilhos até chegar à próxima paragem e claro que valeu a pena. Foi sem dúvida um dos lugares que mais nos impressionou de sempre, a Lagoa das sete Cidades (com a vista a partir do Miradouro da Boca do Inferno).

As fotos não lhe mostram o valor, as descrições ficam sempre longe de conseguir descrever aquela paisagem que nem parece real. Sinceramente muitas vezes sentimos que estávamos dentro de um quadro.

Daqui achámos que nada mais nos iria impressionar, mas chegamos à Lagoa das Empadadas na qual usufruímos da paisagem, só os dois, não o tempo que queríamos, mas foi dos momentos mais bonitos da viagem. Ao som dos pássaros, com as folhas cor de inverno e ladeados pelo lago de água verde.

Fomos terminar o dia às Termas da Ferraria em que vimos as pedras negras e sentimos a força daquelas águas. Um cenário onde não vimos o verde dos Açores, mas a origem de tudo aquilo, o que ficou da origem, dos vulcões que deram o ser à ilha.

No fim pensámos que teríamos ido vestidos de noivos a muitos mais sítios que fomos descobrindo ao longo dos dias que por lá estivemos. Ficámos impressionados com tudo o que vivemos.

Será sempre um até breve, afinal estamos a falar do nosso país. (Que orgulho nesta última parte, o nosso país)!

Visita a nossa loja de fotografia online!

Álbuns, telas, revelação de fotos, presentes, molduras... Eterniza os teus momentos favoritos com os nossos produtos fotográficos!

Ver loja online

Subscreve a nossa newsletter

Segue-nos!

Não percas nenhuma aventura dos honeymooners: